musicas.mus.br

Letras de músicas - letra de música - letra da música - letras e cifras - letras traduzidas - letra traduzida - lyrics - paroles - lyric - canciones - MULHER BANDIDA - JOãO KAZAK - música e letra

Utilize o abecedário abaixo para abrir as páginas de letras dos artistas

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z

Mulher Bandida letra


Ela me deixou,
E eu choro por ela.
"tô" quase morrendo,
De saudade dela.
Já faz um bom tempo,
Que ela foi embora,
Ela já me esqueceu,
E eu sofro até agora.

Eu "tô" bagunçado,
"tô" magoado,
"tô" chateado,
É por causa dela.
"tô" desconsolado,
"tô" mal cuidado,
"tô" desgraçado,
Por causa dela.

Já bebi cachaça,
E dormi na praça,
Por causa dela.
Ela não merece,
Ela é uma bandida,
Mas eu gosto dela.
Ela não merece,
Ela é uma bandida,
Mas eu gosto dela.

Se for pra morrer de pinga,
Eu bebo, é por causa dela.
Se for pra morrer doente,
Eu morro, é de amor por ela.
Onde está essa mulher,
Pra onde foi aquela ingrata?
Se ela não aparecer,
Saudade dela me mata.

Ela me deixou,
E eu choro por ela.
"tô" quase morrendo,
De saudade dela.
Já faz um bom tempo,
Que ela foi embora,
Ela já me esqueceu,
E eu sofro até agora.

Ela me deixou,
E eu choro por ela.
"tô" quase morrendo,
De saudade dela.
Já faz um bom tempo,
Que ela foi embora,
Ela já me esqueceu,
E eu sofro até agora.

Eu "tô" bagunçado,
"tô" magoado,
"tô" chateado,
É por causa dela.
"tô" desconsolado,
"tô" mal cuidado,
"tô" desgraçado,
Por causa dela.

Já bebi cachaça,
E dormi na praça,
Por causa dela.
Ela não merece,
Ela é uma bandida,
Mas eu gosto dela.
Ela não merece,
Ela é uma bandida,
Mas eu gosto dela.

Se for pra morrer de pinga,
Eu bebo, é por causa dela.
Se for pra morrer doente,
Eu morro, é de amor por ela.
Onde está essa mulher,
Pra onde foi aquela ingrata?
Se ela não aparecer,
Saudade dela me mata.

Ela me deixou,
E eu choro por ela.
"tô" quase morrendo,
De saudade dela.
Já faz um bom tempo,
Que ela foi embora,
Ela já me esqueceu,
E eu sofro até agora.

Ela me deixou,
E eu choro por ela.
"tô" quase morrendo,
De saudade dela.
Já faz um bom tempo,
Que ela foi embora,
Ela já me esqueceu,
E eu sofro até agora.

João Kazak - Letras

©2003 - 2017 - musicas.mus.br